Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

No processo de por em prática a casa dos nossos sonhos, é normal a gente se sentir afrontado só de pensar nos custos e no trabalho que vamos ter que enfrentar para construir ou reformar a nossa casa.

As listas de compras de materiais nas lojas de departamento, na loja de construção da esquina, na marmoraria parecem intermináveis . E ainda ter que contratar pedreiros, eletricistas, bombeiro hidráulicos de confiança que entendam o que queremos fazer, com qualidade, bom acabamento e beleza. São tantas ações que nos fazem ficar cansados e até adiamos o pontapé inicial só para evitar passar por esse perrengue todo.

bigstock-152556203

E na era da informática, caímos na tentação de achar que qualquer informação que está na internet é verdadeira. Aí, seguimos conselhos e mais conselhos de pessoas que até tem boa vontade de dar sua opinião para ajudar, mas que só confundem a nossa mente.

Você se identificou com essa história? É pra você que eu quero falar. Queremos dar uma ajuda definitiva para que você possa conduzir este processo com mais tranquilidade do que fez até agora. Confira as dicas essenciais que os Arquitetos da Felicidade trazem para você.

Continuar lendo Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

Cheque Reforma: governo concederá subsídio para reformas residenciais

O jornal Folha de São Paulo noticiou na sua página na internet que o presidente em exercício Michel Temer autorizou o Ministério das Cidades a elaborar o programa social para subsidiar reformas residenciais para famílias com renda de até 3 (três salário mínimos).

Baseado em experiências positivas em Goiás e Pará, o projeto, conhecido como Cheque Reforma, prevê a liberação de crédito entre R$ 3 mil e R$ 5 mil diretamente para compra de materiais para melhorias residenciais, como construção de banheiro, troca de telhado e instalações elétricas, cabendo ao proprietário contratar a mão de obra.

De acordo com a matéria, o objetivo é que o programa atinja a marca de 1 milhão de famílias nos próximos 2 anos.

Emoji Smiley-116Leia a íntegra da matéria aqui.

Confira também

DÚVIDAS?

Clique no botão e acesse a seção de tira-dúvidas

5 dicas para que sua obra não dê prejuízo

Todo proprietário de imóvel em algum momento da vida estabelece um objetivo de deixar a casa com a sua cara para viver mais feliz e com conforto. Para alcançar o objetivo, é necessário encarar uma obra, seja de reforma, ampliação ou construção. Entretanto não abre mão de preços baixos que caibam no orçamento familiar.

O que poucas pessoas sabem é que pode contar com um arquiteto para alcançar esse objetivo e eliminar sustos e incertezas. E ainda fazer uma economia que garanta que sua obra pode chegar ao fim. E se puder sobrar um dinheiro para fazer algo a mais, melhor ainda!

Continuar lendo 5 dicas para que sua obra não dê prejuízo

ALERTA! O que o síndico precisa saber antes de autorizar uma obra

O síndico de um condomínio residencial é o responsável legal pelo zelo, manutenção e segurança de todo o conjunto de edificações que compõem o condomínio. Entretanto, poucos ainda se atentaram da nova exigência prevista na norma técnica ABNT-NBR 16280:2014, até mesmo por não saber exatamente o o que é uma RRT e por que deve exigi-la.

Por isso, é nosso dever esclarecer alguns pontos para que síndicos e condôminos possam cumprir a norma técnica e o que adotar como boa prática, para conduzir uma obra de reforma segura  e responsável para todos.

O que diz a Norma?

A Norma Técnica da ABNT estabelece diretrizes técnicas para reformas em edificações, através do Sistema de Gestão em Reformas, conforme o artigo que escrevemos anteriormente. A norma determina que toda obra de reforma deve estar sob a responsabilidade de um profissional habilitado, engenheiro ou arquiteto. e orienta que o responsável pela reforma, seja particular ou condominial, informe aos demais usuários e ao síndico o plano de manutenção a partir da reforma.

Como o síndico pode exigir o cumprimento da norma?

Salvo raras exceções, a convenção de condomínio estabelecem as posturas sobre como o que cada condômino deve fazer ao iniciar uma obra, seja para respeito quanto a lei do silêncio, disposição e retirada de lixo e outras providências.

Sendo assim convém comunicar oficialmente através de uma circular que, tendo em vista a nova norma técnica da ABNT, para que seja autorizada a obra de reforma do interior do prédio, todo condômino deve apresentar:

  1. A Guia paga do Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) do arquiteto, se responsabilizando tecnicamente pela obra de reforma
  2. Um pequeno memorial descritivo contendo o que vai ser feito durante a obra, construções, alterações e demolições, podendo ou não exigir planta dependendo do porte da reforma.

OBS: A licença de obra na prefeitura só é exigida quando existe acréscimo de área edificada. Para isso recomendo ler este link da Prefeitura do Rio de Janeiro

Quais os benefícios do cumprimento da norma?

A responsabilidade técnica de um profissional habilitado dá segurança jurídica a todos os envolvidos, em caso de acidentes ou processo civil. Beneficia o síndico do prédio, que cumpriu o requisito normativo ao exigir um responsável, e beneficia o proprietário que comprova que tomou as providências.

Uma vez as providências tomadas, caso o imóvel tenha seguro residencial e condominial vigentes, a seguradora não poderá se eximir de pagar prêmio da apólice.

É muito caro para contratar um profissional para isso?

Man Filling out Tax Form

O valor da contratação de um arquiteto varia de acordo com a duração e o porte da obra. No entanto, não é tão caro como se pensa. Para isso recomendo este artigo que fala sobre o valor do profissional.

O maior benefício no entanto não tem preço: ter uma obra segura para você, sua família, vizinhos e comunidade. Coloque a vida sempre em primeiro lugar e lembre-se de que cuidar da sua segurança se reflete no todo.

Leia também

Vila Isabel: projeto de reforma e ampliação de residência

vila isabel

Ficha Técnica do Projeto
  • Bairro: Vila Isabel
  • Escopo: Projeto para ampliação de residencia existente, incluindo anteprojeto com indicação de materiais e revestimentos e projeto legal para a licença de obras
  • Kit Selecionado: Kit nº 8
  • Status: em andamento

Leia também

Rio Comprido: projeto de reforma de interiores

Vista 3D BIANCA 3

Ficha Técnica do Projeto
  • Cliente: Bianca Porto
  • Bairro: Rio Comprido
  • Escopo: Projeto para reforma e adequação de um apartamento quarto e sala, com estudo de cores, materiais e revestimentos
  • Kit Selecionado: Kit nº 6
  • Status: em andamento

Leia também

Do início ao fim: 8 passos que um projeto de construção deve seguir (e uma dica extra)

Que bom que você veio aqui! Seja bem vindo!

Está em dúvida se deve contratar um arquiteto para construir a sua tão sonhada casa? Tem dúvidas sobre qual o momento ideal de pedir um orçamento? Pois este artigo quer te dar uma mãozinha para sua tomada de decisão. Com base na nossa experiência em projetos residenciais, aprendemos algumas coisas na prática e que você precisa ter clareza para fazer um planejamento seguro e uma escolha responsável.

Estas informações tem como base nossos projetos que fazemos na cidade do Rio de Janeiro. Pode ser que alguns prazos e etapas variem bastante, dependendo das características específicas do local, mas o processo como um todo deve obedecer estes passos, que influenciam diretamente no preço e na produtividade de cada equipe. Acompanhe abaixo:

Leia também

Continuar lendo Do início ao fim: 8 passos que um projeto de construção deve seguir (e uma dica extra)

O que você precisa saber sobre a nova norma para reformas da ABNT

abnt3

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) publicou no ultimo dia 18 de março de 2014 a norma técnica ABNT NBR 16280/2014, que estabelece diretrizes técnicas para reformas em edificações, através do Sistema de Gestão em Reformas.

Continuar lendo O que você precisa saber sobre a nova norma para reformas da ABNT

Precisa de uma planta assinada por um arquiteto? Peça a RRT!

CAU PLANTA

As pessoas que tem alguma demanda de legalização de imóvel junto a Prefeitura, seja para obtenção de licença de obra, colocação de placa de obra, obtenção de habite-se, regularização da matrícula de IPTU, etc., geralmente está em busca de uma planta assinada por um arquiteto para cumprir a documentação exigida. Mas não se pode interpretar a frase assim ao pé da letra. Vamos traduzir.

Quando a prefeitura exige uma planta assinada por um arquiteto não é uma mera burocracia. Todo processo de legalização de imóvel junto a prefeitura deve ser conduzido por um responsável técnico, que tem a competência de atestar todas as informações técnicas necessárias na condução do processo. Em termos jurídicos, o responsável técnico assume para si a responsabilidade civil sob o processo administrativo de sua responsabilidade, estando sujeito as obrigações e penalidades previstas em lei.

Continuar lendo Precisa de uma planta assinada por um arquiteto? Peça a RRT!

Era uma vez, um quarto de empregada.

Quarto de empregada é um espaço cada vez mais obsoleto no nosso século XXI. Que tal apropriar-se deste espaço?

Leia este texto e confira as dicas.

Leia também

É cada vez mais raro encontrar funcionários domésticos que dormem na casa em que trabalham. Por isso, surge a questão: o que fazer com o quarto que antes era deles? Selecionamos muitas ideias para você aproveitar bem o espaço. Ele pode virar sala de almoço, aumentar o living ou se transformar no banheiro extra com que você sempre sonhou. Veja estas e outras soluções espertas:

Nova área de convivência  (Foto: Marcelo Magnani)
Foto: Marcelo Magnani

Nova área de convivência
A cozinha, antes pequena, acabava no balcão que hoje divide o espaço. A dependência de empregada virou uma sala de almoço para atender ao desejo principal da família: viver a simplicidade de outros tempos, quando pais e filhos eram mais unidos. Lá, eles fazem as refeições juntos, sem outras distrações. Projeto da arquiteta Andrea Reis.

 

Área nobre no puxadinho  (Foto: Edu Castello)
Foto: Edu Castello

Área nobre no puxadinho
Nos fundos do sobrado, os arquitetos Tito Chantal Ficarelli demoliram um puxadinho onde…

Ver o post original 329 mais palavras