Bancos oferecem crédito para obras de acessibilidade

Uma das grandes preocupações das legislações locais nos últimos anos é a eliminação de barreiras de acessibilidade e implantação de desenho universal para pessoas com mobilidade reduzida. No Brasil, a norma de referência no assunto é a norma técnica ABNT-NBR 9050:2015, cuja qual se tornou base normativa para diversos tipos de legislação que passaram tornar a obrigatório o cumprimento da norma técnica como exigência para obtenção de licenças, autorizações e credenciamentos.

Este artigo é o primeiro de uma série de artigos que citarão as principais legislações que tratam sobre a obrigatoriedade de atendimento à norma de acessibilidade, o  que deve ser feito para cumprir estas exigências como proprietário, bem como informar ao consumidor ou cliente para exigir que o estabelecimento cumpra as determinações.

Operação de crédito para bens e serviços de acessibilidade

bancocentral

A Resolução nº 4.050/2012 do Banco Central do Brasil autoriza as instituições bancárias de todo o Brasil a conceder crédito para pessoas naturais com renda mensal de até dez salários mínimos, voltado à aquisição exclusiva de bens e serviços de tecnologia assistiva destinados a pessoas com deficiência. Esta linha de crédito financia, dentre outros serviços, a adaptação de imóvel residencial para adequação de acessibilidade.

Para que o interessado tenha acesso a esta linha de crédito, a Resolução condiciona a liberação deste crédito à apresentação de projeto arquitetônico que comprove o atendimento à norma técnica, com a assinatura de um arquiteto registrado no Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) com o devido Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) do projeto de acessibilidade. Somente será financiada a aquisição de materiais e de mão de obra que estejam vinculados a um projeto arquitetônico.

Verifique no banco de sua preferência a oferta desta linha de crédito e converse com o seu gerente para avaliar as condições de financiamento da sua obra para a adaptação do seu imóvel.

Confira também

DÚVIDAS?

Clique no botão e acesse a seção de tira-dúvidas

Comprar imóvel barato para reformar: vale a pena?

Quem pensa em adquirir um imóvel para moradia definitiva ou mesmo para investir suas economias pensando numa rentabilidade de valorização futura deve considerar vários fatores locais que definem a viabilidade econômica do negócio.

Ao abordar o cliente, o corretor de imóveis apresenta alguns elemento potencialmente vantajosos: facilidade de transporte, comércios de bairro atraente, com baixa poluição do ar, sonora e visual, previsão de empreendimentos futuros (estação de metrô, shoppings, galerias, etc.), estacionamento, vista favorável a uma paisagem natural, segurança pública ou privada, etc.

Todos estes fatores locais  influenciam o valor comercial com muito mais força do que a arquitetura propriamente dita. Com efeito, comprar um imóvel antigo num local favorável é um negócio potencialmente vantajoso, pois quando reformado, poderá valorizar bastante!

Será mesmo? Neste momento é melhor passar a palavra para que um arquiteto dê sua opinião sob a ótica construtiva.

Continuar lendo Comprar imóvel barato para reformar: vale a pena?

Mesmo com pouca grana, não se deve fazer obra sem projeto

Muita gente ainda não tem noção da real utilidade de um projeto de arquitetura numa obra de construção ou de reforma. Acham que é só um desenho no papel que se propõem a representar questões estéticas e decorativas. E se a obra não tem muitos detalhes, basta só que o mestre de obras e o proprietário se entendam para solucionar na prática e no improviso.

Sempre foi assim. Sempre deu certo. É aí que a maioria se engana.

Continuar lendo Mesmo com pouca grana, não se deve fazer obra sem projeto

5 dicas para que sua obra não dê prejuízo

Todo proprietário de imóvel em algum momento da vida estabelece um objetivo de deixar a casa com a sua cara para viver mais feliz e com conforto. Para alcançar o objetivo, é necessário encarar uma obra, seja de reforma, ampliação ou construção. Entretanto não abre mão de preços baixos que caibam no orçamento familiar.

O que poucas pessoas sabem é que pode contar com um arquiteto para alcançar esse objetivo e eliminar sustos e incertezas. E ainda fazer uma economia que garanta que sua obra pode chegar ao fim. E se puder sobrar um dinheiro para fazer algo a mais, melhor ainda!

Continuar lendo 5 dicas para que sua obra não dê prejuízo