Por que não enviamos orçamento por e-mail?

Neste ano de 2017, fizemos modificações importantes no atendimento ao cliente interessado em orçamentos de projetos e obras de arquitetura na cidade do Rio de Janeiro e criamos o Atendimento Presencial BIS, modelo de atendimento presencial para preparação e apresentação de orçamentos ao cliente, pelo portal de serviços Bora Fazer.

Esta modalidade de apresentação é única no ramo de arquitetura e foi concebida sobre os seguintes pilares conceituais:

1º: Orçamento não é dar preço, é atender bem!

Quando o cliente solicita um orçamento, não medimos esforços para oferecer todas as informações necessárias para compreender e esclarecer o escopo do serviço. Acreditamos certamente que uma visita qualificada é mais eficiente para a solução das necessidades do que um e-mail com um preço.

Por isso, queremos sempre entregar algo mais que um orçamento e apostamos num atendimento presencial completo, desde a primeira visita até o final do processo, pagando uma taxa mínima pela reserva.

2º: É conversando que a gente se entende!

O atendimento presencial oferece duas oportunidades para uma conversa produtiva e transparente.

A primeira é para conhecer o cliente, suas necessidades, suas expectativas e análise técnica das condições do imóvel, verificando as possíveis interferências, riscos e potenciais para o projeto do cliente. A segunda visita, já com a proposta alinhada, é para apresentar tudo o que consideramos para a elaboração do valor, as estratégias de cada fase e as soluções para pagamento facilitado.

Nosso orçamento será escrito e impresso para sua análise, de forma clara e objetiva, com as melhores informações possíveis para uma tomada de decisão acertada.

3º: Negociação direta oferece melhores alternativas

Negociar é um ato profundamente influenciado por interações sociais. A partir do relacionamento presencial, o cliente tem total liberdade para rever, questionar, perguntar, sugerir, propor alternativas novas e criativas para que o projeto seja executado com total satisfação e ganhos para todos.

O serviço de atendimento presencial é uma oportunidade única para esclarecimentos e aprendizado entre as partes. A experiência se torna muito mais útil na comparação com outras propostas técnicas enviadas, facilitando a comparação de preços e métodos de trabalho, verificando as melhores vantagens de cada proposta, tanto do ponto de vista técnico, econômico e pela confiança no profissional.

4º: Vantagem em dobro.

O investimento feito na visita técnica do Atendimento Presencial BIS tem seu valor revertido em dobro na forma de créditos automáticos a serem utilizados na proposta negociada. Ou seja, você tem muito mais informações e vantagens reais de desconto.

Aposte no atendimento presencial. Agende agora mesmo!

Acesse http://www.borafazer.com.br/orcamento e preencha seus dados para reservar sua visita. Selecione o Atendimento Presencial BIS e aguarde nosso retorno. Bora Fazer!

Vai sacar dinheiro do FGTS? Invista na sua casa!

O Governo Federal divulgou o calendário para saque das contas inativas do FGTS, que começam no dia 10 de março e vão até o dia 31 de julho. O cronograma de liberação depende da data de nascimento do trabalhador. O dinheiro, porém, estará disponível para todos os trabalhadores elegíveis até 31 de julho deste ano.

fgts_obra

E o que fazer com esse dinheiro?

Especialistas recomendam, antes de qualquer coisa, quitar dívidas para evitar pagamento de juros e multas. Para quem está com as contas em dia, a sugestão também é sacar e procurar uma aplicação mais rentável que o FGTS.

Para aqueles que já pensavam em empreender, mesmo na crise, o FGTS é um reforço de capital de giro ou na entrada de um pequeno negócio, dizem os especialistas.

Mas quem conta com esse dinheiro para investir na melhoria do seu imóvel, é a melhor hora!

6-passos-2

Confira também

DÚVIDAS?

Clique no botão e acesse a seção de tira-dúvidas

Especialistas ouvidos pelo GLOBO recomendam, antes de qualquer coisa, quitar dívidas para evitar pagamento de juros e multas. Para quem está com as contas em dia, a sugestão também é sacar e procurar uma aplicação mais rentável que o FGTS. Para aqueles que já pensavam em empreender, mesmo na crise, o FGTS é um reforço de capital de giro ou na entrada de um pequeno negócio, dizem os especialistas. Veja o que eles ensinam:

Read more: http://oglobo.globo.com/economia/como-usar-dinheiro-das-contas-inativas-do-fgts-20920268#ixzz4YgOzy8hZ