Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

No processo de por em prática a casa dos nossos sonhos, é normal a gente se sentir afrontado só de pensar nos custos e no trabalho que vamos ter que enfrentar para construir ou reformar a nossa casa.

As listas de compras de materiais nas lojas de departamento, na loja de construção da esquina, na marmoraria parecem intermináveis . E ainda ter que contratar pedreiros, eletricistas, bombeiro hidráulicos de confiança que entendam o que queremos fazer, com qualidade, bom acabamento e beleza. São tantas ações que nos fazem ficar cansados e até adiamos o pontapé inicial só para evitar passar por esse perrengue todo.

bigstock-152556203

E na era da informática, caímos na tentação de achar que qualquer informação que está na internet é verdadeira. Aí, seguimos conselhos e mais conselhos de pessoas que até tem boa vontade de dar sua opinião para ajudar, mas que só confundem a nossa mente.

Você se identificou com essa história? É pra você que eu quero falar. Queremos dar uma ajuda definitiva para que você possa conduzir este processo com mais tranquilidade do que fez até agora. Confira as dicas essenciais que os Arquitetos da Felicidade trazem para você.

Continuar lendo Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

Como fazer uma obra solidária e feliz

Quando se deseja fazer uma obra de reforma ou ampliação de algum cômodo existe o movimento natural de sair da zona de conforto para uma situação de mudança de mentalidade da pessoa em relação ao ambiente que se deseja mudar. Neste momento o sentimento é de criar algo novo, melhor e mais bonito para colocar no lugar da coisa velha, desgastada e que será eliminada.

Entretanto, é preciso alargar um pouco mais as possibilidades positivas que uma obra tem na realidade que a cerca. Quando olhamos além da relação de consumo e olhamos a sociedade ao redor, vemos que existem muitas pessoas pobres, passando necessidades e que estão convivendo indiretamente com a sua obra, os resíduos, entrada e saída de materiais, caçambas de entulho e lixo de coisas que não nos servem mais. Soma-se a isso ao impacto ambiental pelo aumento do consumo de recursos como água, energia e matérias-primas.

Será que nossa obra precisa ser assim tão egoísta e insensível ao seu redor?

Não! Não precisa! E um projeto de arquitetura bem resolvido precisa estar consciente para buscar soluções integrais e solidárias  que permitam melhorar a realidade local, tornando-a mais sustentável, mais solidária e mais feliz para todos

Continuar lendo Como fazer uma obra solidária e feliz

14 pequenas coisas para você ser feliz no trabalho

Você conhece as pequenas coisas que fazem seu dia mais feliz? A felicidade está em pequenos momentos diários.

Tente estas 14 pequenas coisas para você ser feliz no trabalho.

1. Sorria

1 sorria

Quando você dedica um tempo para dar um sorriso genuíno a uma outra pessoa, endorfina circula pelo seu cérebro e você imediatamente sente uma onda de felicidade.

2. Comece a conversar durante o café pela manhã

2 café

Felicidade é um dos muitos benefícios da interação humana.

3. “Abrace” as surpresas

cara de surpresa

Seus colegas vão se preocupar com você se resolver decorar todo o escritório ou se sumir sua caneta favorita.

4. Dê um verdadeiro “obrigado”

agradecimento

Gratidão verdadeira inunda o sistema nervoso com dopamina, hormônio do prazer e felicidade.

5. Permita-se uma pequena recompensa quando terminar sua lista de tarefas

Troféu

Reconhecer suas conquistas, por menor que seja, aumenta as sensações positivas como autoestima, felicidade e confiança.

6. Faça algo diferente de vez em quando

criatividade

Criatividade é tanto causa como consequência de um desenvolvimento positivo.

7. Peça ajuda

HELP

Tire o máximo proveito dos relacionamentos que você tem construído. Aprenda pelo menos uma coisa de cada pessoa.

8. Perceba as pequenas coisas

neymargl

Esteja atento. Perceba as pequenas mudanças (como o novo penteado do colega)

9. Partilhe durante a refeição

almoço

A hora do almoço é uma grande oportunidade de ganhar amigos por toda a vida. (ou alienar colegas)

10. Tenha um momento para uma brincadeira

Google_TechStop

Recarregue suas baterias durante o intervalo e você estará mais focado e produtivo logo em seguida.

11. “Dance” no seu posto de trabalho

listening-music-ouvindo-musica-headphones-spotify

Você sabe que é possível . Basta ter certeza que seus fone de ouvidos estão plugados.

12. Não leve sua vida tão a sério

sem estresse

O mundo não vai acabar por causa daquele e-mail. Não se estresse mais do que o necessário

13. Limpe sua área de trabalho

clean

Você tem 5 minutos para limpar sua área de trabalho ou este computador vai se autodestruir!

14. Faça algumas piadas

viver-a-vida-palhaco-07g

Nunca é tarde. Tenha certeza de que isso será lembrado na sua festa de aposentadoria.

Fonte: Happy Apps (tradução livre)

Leia também:

Conheça os benefícios da Espiritualidade Corporativa

Imagem
Fonte: dtcom.com

“Será que não está na hora de, além dos índices de produtividade, de lucratividade, de rentabilidade, de crescimento, de participação no mercado, criar também um índice de felicidade e de espiritualidade dentro das empresas?” (FAVA e GILZ, 2008)

Continuar lendo Conheça os benefícios da Espiritualidade Corporativa

Dia Internacional da Felicidade 2014: mensagem do Secretário Geral da ONU

Fonte: ONU

Foto: Steffi Loos/dapd
Foto: Steffi Loos/dapd

Os conceitos gêmeos de felicidade e bem-estar apresentam cada vez mais nas discussões internacionais de desenvolvimento sustentável e para o futuro que queremos.

Muitos países estão indo além da retórica da qualidade de vida para incorporar medidas práticas para promover esses conceitos em sua legislação e formulação de políticas. Estas boas práticas podem inspirar outros países a fim de que a medição e contabilização de bem-estar mais amplo, e não apenas a renda nacional, torna-se uma prática universal.

Felicidade pode ter significados diferentes para pessoas diferentes. Mas todos nós podemos concordar que isso significa trabalhar para acabar com o conflito, pobreza e outras condições lamentáveis ​​em que muitos de nossos companheiros seres humanos vivem.

Felicidade não é uma frivolidade, nem um luxo. É um anseio profundo compartilhada por todos os membros da família humana. Deve ser negado a ninguém e disponível para todos. Essa aspiração está implícita na promessa da Carta das Nações Unidas para promover a paz, a justiça, os direitos humanos, o progresso social e melhores padrões de vida.

Agora é a hora de converter essa promessa em ação internacional e nacional concreta para erradicar a pobreza, promover a inclusão social e a harmonia inter-cultural, garantir meios de subsistência decentes, proteger o meio ambiente e construir instituições para a boa governança. Estas são as bases para a felicidade humana e o bem-estar.

Ban-Ki Moon
Secretário-Geral
Organização das Nações Unidas
20 de março de 2014

Leia também:

kits novo2
Peça pelo número seu projeto de arquitetura

17 coisas que geralmente ninguém te fala

Um artigo superbacana e revelador. Você vai se identificar com ele.

Arquitêta

1. Seu salário não determina o quão bom você é como pessoa

2. As coisas que são difíceis de serem ditas, geralmente são as mais importantes

3. Você ainda é fraco se só é bom em uma única coisa

4. Encontre alguém com quem você possa rir de praticamente tudo e o resto ficará bem

5. Ninguém vai conceder seus desejos, é melhor que você os faça acontecer

6. Separe um tempo para ser preguiçoso, faz bem pra você

7. Devagar é o novo rápido…e incrível também

8. Fato: grandes empresas vão sugar seu sangue e sua alma…tente evitá-las

9. Pensar muito sobre um problema não vai, necessariamente, torná-lo mais fácil de resolver

10. “Olá” é a palavra mais poderosa contra a solidão

11. Você não pode se livrar dos seus medos…mas pode aprender a viver com eles

12. Culpa é um sentimento inútil

13. Pessoas que sempre dizem a…

Ver o post original 59 mais palavras

Índice Anual de Felicidade Percebida: como utilizar a planilha

No dia de ontem foi lançada na fanpage do Arquiteto da Felicidade uma planilha feita no Microsoft Excel com a seguinte proposta: vamos medir o quão feliz foi o ano que passou. A esta planilha se chamou Índice Anual de Felicidade Percebida (Planilha IAFP). muitas pessoas já começaram a utilizar como ferramenta de medição da felicidade.

Mas acho que ficou faltando um tutorial que explicasse de onde saiu estes números e qual a melhor forma de utilizar o número encontrado. Este artigo vai explicar com um pouco mais de profundidade como utilizar a Planilha IAFP e os conceitos adotados.

Continuar lendo Índice Anual de Felicidade Percebida: como utilizar a planilha

Sete coisas que deveríamos reclamar menos na vida

Um comportamento muito comum que observamos com mais frequência no convívio social é o hábito de expressar ruidosamente o descontentamento por qualquer motivo. Trocando em miúdos: estamos reclamando demais!

É evidente que temos esse direito de reclamar quando estamos insatisfeitos. Só que persistir no hábito de reclamar nos torna presos a analisar somente os efeitos da insatisfação, como se neles residissem a solução do problema, sem nos aprofundarmos na real causa. E isso nos coloca numa perigosa zona de conforto.

Tornamo-nos pessoas que só reclamam da dor quando ela realmente dói, quando poderíamos pensar em evitar a dor, ou aprender por meio dela alguma coisa.

Por outro lado, acredito que existem situações que realmente podemos evitar o chororô e adotar uma postura mais saudável. Vamos mudar nosso foco na busca de resolver o problema e evitar a reclamação que não dá em nada. Separei aqui uma lista de eventos e situações adversas, nas quais poderíamos ser melhores ao lidar com elas:

Continuar lendo Sete coisas que deveríamos reclamar menos na vida

O dom da dedicação

Vencer a inércia, romper barreiras e buscar a felicidade. O sucesso é consequência de uma intensa dedicação num projeto de vida. Leia este artigo superinteressante.

Leia também:

Benfeitor

A única coisa que separa um amador de um expert é a dedicação. Qualquer um pode ser um gênio se dedicar o tempo apropriado e manter o foco em se aprimorar. O melhor de tudo é saber que nunca é tarde.

Sempre ouço pessoas dizendo que não começam a aprender uma nova língua ou um instrumento musical porque deveriam ter iniciado mais cedo, quando crianças. Pior, escuto pessoas extremamente capazes dizendo que não têm talento natural para uma determinada atividade. Muito provavelmente essas pessoas estão enganadas e subestimam a própria capacidade. Se você tiver 30 anos e começar a aprender piano seriamente amanhã, chegará aos 50 anos de idade com 20 anos de prática e poderá ser um prodígio. Se começar com 50, aos 70, será um dos melhores pianistas da terceira idade. A ideia de que qualquer pessoa tem o potencial para se tornar um expert ou adquirir uma…

Ver o post original 373 mais palavras

Pra começar: não há tempo que volte

Um artigo inspirado na música Tempos Modernos, de Lulu Santos. Em tempos de The Voice Brasil no ar, nada melhor para refrescar nosso fim de semana com uma mensagem de felicidade.

Leia também:

um fôlego

Há obras que são atemporais. No ano de 1982, o cantor e compositor Lulu Santos lançava seu primeiro disco, Tempos Modernos. A faixa de abertura do álbum, de mesmo nome, justifica a afirmativa que abre esse post. Em mais de 30 anos de sucesso, a canção segue sendo cantada a plenos pulmões em todo tipo de festa, seus versos são replicados à exaustão nas redes sociais e novas versões não param de ser criadas por artistas de diferentes estilos musicais.

Como não amar uma música que começa com a seguinte frase: ‘Eu vejo a vida melhor no futuro’? Uma injeção de otimismo é sempre bem-vinda, não importa o momento social pelo qual passe o país, o momento pessoal pelo qual você esteja passando ou ainda momento musical que a cultura esteja vivendo. Não há tempo certo para acreditar em dias mais claros e belos, todo tempo é válido. Da mesma…

Ver o post original 32 mais palavras