Seu IPTU 2018 subiu muito? Veja como verificar se seu imposto está correto

O ano de 2018 mal começou e os proprietários de imóveis na cidade do Rio de Janeiro estão em polvorosa com o reajuste do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU)O aumento aprovado pela câmara foi publicado no Diário Oficial do Município em 29 de setembro de 2017, mas tem pego muita gente de surpresa, com aumentos de mais de 100% no valor a pagar.

Muitos proprietários de imóveis e clientes antigos estão entrando em contato conosco com várias dúvidas, por isso resolvemos lançar este artigo para orientar, na medida do nosso conhecimento de arquitetura, a melhor forma de você reaver seus direitos.

Continuar lendo Seu IPTU 2018 subiu muito? Veja como verificar se seu imposto está correto

Por que não enviamos orçamento por e-mail?

Neste ano de 2017, fizemos modificações importantes no atendimento ao cliente interessado em orçamentos de projetos e obras de arquitetura na cidade do Rio de Janeiro e criamos o Atendimento Presencial BIS, modelo de atendimento presencial para preparação e apresentação de orçamentos ao cliente, pelo portal de serviços Bora Fazer.

Esta modalidade de apresentação é única no ramo de arquitetura e foi concebida sobre os seguintes pilares conceituais:

1º: Orçamento não é dar preço, é atender bem!

Quando o cliente solicita um orçamento, não medimos esforços para oferecer todas as informações necessárias para compreender e esclarecer o escopo do serviço. Acreditamos certamente que uma visita qualificada é mais eficiente para a solução das necessidades do que um e-mail com um preço.

Por isso, queremos sempre entregar algo mais que um orçamento e apostamos num atendimento presencial completo, desde a primeira visita até o final do processo, pagando uma taxa mínima pela reserva.

2º: É conversando que a gente se entende!

O atendimento presencial oferece duas oportunidades para uma conversa produtiva e transparente.

A primeira é para conhecer o cliente, suas necessidades, suas expectativas e análise técnica das condições do imóvel, verificando as possíveis interferências, riscos e potenciais para o projeto do cliente. A segunda visita, já com a proposta alinhada, é para apresentar tudo o que consideramos para a elaboração do valor, as estratégias de cada fase e as soluções para pagamento facilitado.

Nosso orçamento será escrito e impresso para sua análise, de forma clara e objetiva, com as melhores informações possíveis para uma tomada de decisão acertada.

3º: Negociação direta oferece melhores alternativas

Negociar é um ato profundamente influenciado por interações sociais. A partir do relacionamento presencial, o cliente tem total liberdade para rever, questionar, perguntar, sugerir, propor alternativas novas e criativas para que o projeto seja executado com total satisfação e ganhos para todos.

O serviço de atendimento presencial é uma oportunidade única para esclarecimentos e aprendizado entre as partes. A experiência se torna muito mais útil na comparação com outras propostas técnicas enviadas, facilitando a comparação de preços e métodos de trabalho, verificando as melhores vantagens de cada proposta, tanto do ponto de vista técnico, econômico e pela confiança no profissional.

4º: Vantagem em dobro.

O investimento feito na visita técnica do Atendimento Presencial BIS tem seu valor revertido em dobro na forma de créditos automáticos a serem utilizados na proposta negociada. Ou seja, você tem muito mais informações e vantagens reais de desconto.

Aposte no atendimento presencial. Agende agora mesmo!

Acesse http://www.borafazer.com.br/orcamento e preencha seus dados para reservar sua visita. Selecione o Atendimento Presencial BIS e aguarde nosso retorno. Bora Fazer!

Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

No processo de por em prática a casa dos nossos sonhos, é normal a gente se sentir afrontado só de pensar nos custos e no trabalho que vamos ter que enfrentar para construir ou reformar a nossa casa.

As listas de compras de materiais nas lojas de departamento, na loja de construção da esquina, na marmoraria parecem intermináveis . E ainda ter que contratar pedreiros, eletricistas, bombeiro hidráulicos de confiança que entendam o que queremos fazer, com qualidade, bom acabamento e beleza. São tantas ações que nos fazem ficar cansados e até adiamos o pontapé inicial só para evitar passar por esse perrengue todo.

bigstock-152556203

E na era da informática, caímos na tentação de achar que qualquer informação que está na internet é verdadeira. Aí, seguimos conselhos e mais conselhos de pessoas que até tem boa vontade de dar sua opinião para ajudar, mas que só confundem a nossa mente.

Você se identificou com essa história? É pra você que eu quero falar. Queremos dar uma ajuda definitiva para que você possa conduzir este processo com mais tranquilidade do que fez até agora. Confira as dicas essenciais que os Arquitetos da Felicidade trazem para você.

Continuar lendo Uma casa simples, do meu jeito e com baixo custo pode ser excelente?

Conheça os nossos planos para pagamento

Uma Arquitetura da Felicidade ao alcance de todos é o nosso maior objetivo quando idealizamos nossos kits de projeto acessíveis e econômicos. Para isso, desenvolvemos também planos especiais para contratação dos serviços de arquitetura dos Arquitetos da Felicidade.

Você escolhe como quer pagar: parcelas mais baratas, mais simples de pagar, descontos, tudo de acordo com a sua realidade!

Conheça os tipos de planos de pagamento que preparamos para você.

Continuar lendo Conheça os nossos planos para pagamento

Como agendar o atendimento presencial gratuito

regularização de obra arquiteto mais barato em conta rio de janeiro atendimento

O atendimento presencial é direcionado todos aqueles que estão interessados receber uma cotação dos Arquitetos da Felicidade e desejam ter preço de referência para ter seu projeto mais em conta.

Para entender como funciona, siga o exemplo da historinha abaixo:

Continuar lendo Como agendar o atendimento presencial gratuito

Nós não vamos desistir!

Amigos leitores, clientes, estudantes e visitantes do nosso blog.

Nossa missão desde o início deste blog é, através do nosso trabalho, promover a felicidade e ajudar as pessoas a levarem uma vida mais feliz e desenvolvida. Buscar a felicidade exige também de nós um exercício diário de empatia, isto é, colocar-se no lugar do outro para compreender e oferecer o melhor de nós para alcançar objetivos e ser solidário nas dificuldades.

E neste exercício de empatia vemos que o sentimento geral é de desânimo, desesperança e tristeza por uma crise que há tempos não se via no nosso país. Dia após dia somos bombardeados por fatos vergonhosos na vida política e que aumentam as incertezas sobre o amanhã da política, da economia, do emprego. Os sonhos parecem cada dia mais distantes de se realizar.

Chegamos ao fundo do poço? Conseguiremos sair dele? São muitas as perguntas sem resposta neste momento e só o tempo haverá de dar resposta.

Poderíamos aqui destilar todo o repertório de críticas políticas, econômica, sociais e éticas aos governos, como a maioria de nós já está fazendo por aí. Mas neste momento não precisamos de mais postagens sobre isso, pois já temos em abundância na Internet.

Gostaríamos então de relembrar uma frase marcante dita pelo Papa Francisco, no ano de 2013, quando estava a falar com pacientes de um hospital de tratamento de dependentes químicos no Rio de Janeiro:

“Não deixem que lhes roubem a esperança! Mas digo também: não roubemos a esperança; pelo contrário, tornemo-nos todos portadores da esperança”.

Do mesmo modo, precisamos ficar de pé, mesmo diante de um país que padece. Não podemos nos deixar contaminar ainda mais com as drogas que chegam até nós. Precisamos manter a saúde para cuidar dos que estão doentes.

Não deixemos que o Estado nos impeça de lutar, nem fiquemos acomodados esperando a solução mágica. Os sonhos da sua vida só dependem do indivíduo livre, protagonistas e agente da mudança na sua realidade.

Nós não vamos desistir de buscar a felicidade e de apoiar a todos que precisam realizar seus projetos. Nós acreditamos no poder das pessoas deste país e faremos de tudo para apoiá-las.

Brasil, vamos começar?

Leia também:

DÚVIDAS?

Clique no botão e acesse a seção de tira-dúvidas

Como fazer uma obra solidária e feliz

Quando se deseja fazer uma obra de reforma ou ampliação de algum cômodo existe o movimento natural de sair da zona de conforto para uma situação de mudança de mentalidade da pessoa em relação ao ambiente que se deseja mudar. Neste momento o sentimento é de criar algo novo, melhor e mais bonito para colocar no lugar da coisa velha, desgastada e que será eliminada.

Entretanto, é preciso alargar um pouco mais as possibilidades positivas que uma obra tem na realidade que a cerca. Quando olhamos além da relação de consumo e olhamos a sociedade ao redor, vemos que existem muitas pessoas pobres, passando necessidades e que estão convivendo indiretamente com a sua obra, os resíduos, entrada e saída de materiais, caçambas de entulho e lixo de coisas que não nos servem mais. Soma-se a isso ao impacto ambiental pelo aumento do consumo de recursos como água, energia e matérias-primas.

Será que nossa obra precisa ser assim tão egoísta e insensível ao seu redor?

Não! Não precisa! E um projeto de arquitetura bem resolvido precisa estar consciente para buscar soluções integrais e solidárias  que permitam melhorar a realidade local, tornando-a mais sustentável, mais solidária e mais feliz para todos

Continuar lendo Como fazer uma obra solidária e feliz

15 de Dezembro – Dia do arquiteto e urbanista

Imagine montar um quebra-cabeça, altamente complexo, de milhões de peças. Imaginou?
Agora imagine que dentro deste quebra-cabeça pessoas irão habitar, ou permanecer, passar, dormir, trabalhar…e que estas pessoas têm personalidades, gostos, sentimentos! Em que carros, motos, caminhões ou bicicletas talvez deverão entrar , estacionar…Imaginou?
Agora imagine que não só você vai montar este quebra-cabeça…que outras pessoas vão ajudá-lo e que estas pessoas pensam diferente de você, mas que o resultado deve ser alcançado por todos e para o benefício de todos que ali irão estar.


Imagine também que este quebra-cabeça altamente complexo, ao contrário de um quebra-cabeça comum (que é em duas dimensões), é um que deve ser montado em três dimensões! E que algumas peças devem ficar escondidas outras expostas, fluidos passarão por ali, que tudo tem peso, tem cheiro, tem gases circulando, materiais que são perigosos, tem cores, ruídos! Que envolve cálculos. Imaginou?


Difícil, né?


Imagine ainda, que este quebra-cabeça pode ser do tamanho de uma cidade, com peças gigantescas, ou do tamanho de um banheiro, com pecinhas minúsculas onde o espaço deve ser muito bem pensado pq tudo é “apertado”.


Como se não bastasse tudo isso, ao final, este quebra-cabeça deve ser seguro, bonito, bem ventilado, deve receber a luz do sol de maneira estratégica, bem iluminado, bem climatizado, deve atender às diversas legislações vigentes (que não são nada simplórias), não deve agredir à cidade ou ao meio ambiente e ainda deve ter o melhor custo benefício na construção!


E, o mais importante, ainda atender às expectativas, aos sonhos e às necessidades de quem ali irá viver !!!!


Pois é…nada fácil né?


É o que nós arquitetos fazemos todos os dias!!!! Não somos apenas “desenhistas de plantas” (até porque, uma planta é uma parte pequena da representação gráfica de um projeto)…não somos apenas decoradores (decoração é uma das áreas em que podemos atuar, mas nossa formação é muito mais completa e diversificada). Nem, tão pouco, temos a “vida fácil” das personagens “arquitetos das novelas de Manoel Carlos”!


Portanto, valorize o trabalho de seu amigo, seu familiar ou de seu colega de trabalho que é arquiteto! Valorize o trabalho do seu arquiteto! Não contrate um curioso qualquer para construir ou projetar seus sonhos, como o da casa própria por exemplo…ou do comércio, empresa ou escritório… que você levou um tempão para conquistar!!!!
CONTRATE UM ARQUITETO!!!!!!

PARABÉNS AOS COLEGAS DE PROFISSÃO! A VOCÊS TODO O NOSSO CARINHO E O NOSSO RESPEITO!

Felicidades 😉

ADJUDICAÇÃO COMPULSÓRIA – Para efetivar Promessa de Compra e Venda não efetivada em Definitiva

correicao_tjac_ago13_13

Você conhece este instrumento de regularização de registro imobiliário? Muitas vezes clientes tem nos procurado com escrituras irregulares para a legalização junto a Prefeitura, mas os arquitetos não fazem a regularização cartorial. Este instrumento jurídico pode ser o primeiro passo para iniciar seu processo de obtenção do habite-se da construção. Vale a pena a leitura 😉

Confira também:

AzNew Engenharia

Adjudicação compulsória

A adjudicação compulsória é uma ação judicial destinada a promover o registro imobiliário necessário à transmissão da propriedade imobiliária quando não vier a ser lavrada a escritura definitiva em solução de uma promessa de compra e venda de imóvel. Quando o vendedor e o comprador de um imóvel celebram um contrato de promessa de compra e venda, para pagamento do preço em prestações, ambas as partes se comprometem, após quitado o preço, a promover a lavratura da escritura definitiva. Se qualquer das partes, seja o promitente vendedor, seja o promissário comprador, por razões diversas, não concluir o negócio jurídico com a lavratura da escritura definitiva, a parte interessada pode ajuizar a ação de adjudicação compulsória com a finalidade de, mediante sentença, obter a carta de adjudicação, que será levada, então, para o competente registro no cartório de imóveis, independente da celebração da escritura.

A ação de adjudicação compulsória…

Ver o post original 400 mais palavras

Prefeito do Rio mantém Guaratiba sem legislação urbana desde 2013

O Decreto nº 37.483 de 31 de julho de 2013, de autoria do Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro, Sr. Eduardo Paes, criou no ano passado a Área de Especial Interesse Ambiental (AEIA) da Região de Guaratiba.

Este decreto abrange ta área de toda a Região Administrativa de Guaratiba, que compreende os bairros de Guaratiba, Pedra de Guaratiba e Barra de Guaratiba. A AEIA é justificada pelo decreto em face dos riscos de adensamento da região “a partir da implantação do BRT Transoeste e da abertura do Túnel da Grota Funda“, e identifica a necessidade de “evitar a degradação de suas condições ambientais”.

Em seu artigo 2º, o Decreto suspende todos os processos de licenciamento de demolição, construção, acréscimo, modificação, reforma, transformação de uso, parcelamento do solo ou abertura de logradouro nos limites da AEIA.

O decreto original previa o prazo de suspensão em 180 dias da data original (31/07/2013), mas oito decretos posteriores já prorrogaram o efeito da suspensão em mais um ano. Atualmente o Decreto 41.242 de 17 de fevereiro de 2016 prorroga o prazo até o fim deste ano. Ou seja, já serão três anos sem legislação.

Congelamento dos processos de licenças e habite-se na SMU

3459663819_0da416c1f4_b
Praia da Barra de Guaratiba – fonte: G. Gurgel – flickr.com

Gerência de Licenciamento e Fiscalização (GLF) da região de abrangência do AEIA de Guaratiba, informou que, em face da prorrogação dos efeitos deste decreto, as análises dos processos de licenciamento de obras, construção e regularização de construções destes bairros estão suspensas até a vigência deste decreto.

Enquanto isso, um número incontável de processos em andamento ficarão paralisados. Esta sequência de prorrogação de decretos impactam diretamente a implantação de novos empreendimentos que estavam em vias de obtenção de licença, o cumprimento de exigências dos processos em andamento, a obtenção de habite-se da construção, regularização do IPTU e demais serviços que dependem de uma legislação para prosseguir sua rotina.

Leia também